Publicado por: almofadas | Outubro 23, 2010

Nós afastamo-nos, atarefados. A terra quebra-se ao meio. Apaga-me, apaga-me. Olha em mim… Fica! Perdoa-me por eu amar de uma forma tão estranha e desesperada. Pelo lamento, sobre os lábios. Ficamos a flutuar em cidades erradas. Chamadas telefónicas sob a lua, fronteiras relativas, estou contigo… Apaga-me. Olha em mim. Fica… Perdoa-me por eu amar de uma forma tão estranha e desesperada.

Zemfira


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: