Publicado por: almofadas | Março 10, 2012

“Chega de Chorar”

Chega de chorar, abre mais esses olhos. Repara lá no céu, como é azul. O sol espalha risos coloridos que põem a cabeça andar à roda

Tudo há de passar, de doer, de morrer, de soar algures como uma corda que se rompeu. É preciso querer muito, saber fazer tudo no mundo. É preciso muito, tentar conseguir.

Não te entristeceres com nada. Esquecer tudo, perdoar todos. Poucos dias nos foram dados para nos chatearmos. É preciso querer muito, saber fazer tudo no mundo. É preciso muito tentar conseguir.

Ouves, ouves – algures um sino soando baixinho. Ouves, ouves, como é alegre o seu tilintar. Como se algures se risse uma jovem. A ave-felicidade vem de longe para nós.

O que te entristece? Tem piedade de ti, pois tu sabes – o que passou não volta. É preciso esquecer tudo, amar o dia seguinte. É preciso aprender o alfabeto da felicidade.

Não te entristeceres com nada. Alcançar tudo, perdoar todos. Poucos dias nos foram dados para nos chatearmos. É preciso esquecer tudo, amar o dia seguinte. Aprender o alfabeto da felicidade

Dorme, enquanto o sol não se levantou. Dorme enquanto ainda está escuro lá fora. Acredita que se vai realizar tudo que imaginaste. A ave-alegria vai poisar na tua janela.

Vera Matveeva 1970


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: